Detetive: ainda existe essa profissão?

Estamos acostumados a ver detetives em diferentes tipos de ficção. Eles foram eternizados com o personagem Sherlock Holmes, e até hoje temos essa imagem. Mas detetive ainda existe? Muito além das obras de Arthur Conan Doyle, a profissão é real e até hoje é exercida, inclusive no Brasil. Por aqui, aliás, ela foi regulamentada, e segue algumas normas para existir. Mas se você tem dúvidas sobre o papel do detetive particular, vamos lhe explicar que não só detetive ainda existe como continua sendo uma ótima escolha para resolver problemas familiares ou profissionais. Descubra nesse artigo o que faz um desses profissionais e como ele age para lhe ajudar nessa resolução. Entenda também quais são as principais que regem a profissão de detetive.

Descubra o que um detetive faz e quando contratar um

Existem diversos mitos e muito romantismo acerca da profissão do detetive. Isso porque ficamos todos presos a literatura e ao cinema. Mas a verdade é que essa é uma profissão que ainda está ativa, e pode ser muito útil. Um detetive particular é um profissional que atua como autônomo ou através de uma agência. Ele pode ser contratado para ajudar você a resolver diversos problemas de cunho pessoal ou profissional. Esse é um trabalho sério e que movimenta um grande mercado. Detetive ainda existe, e é contratado por muita gente que necessita de um auxílio.

Detetive x policial

Vamos ressaltar aqui que detetive não atua como um policial. Esse profissional não tem autonomia para efetuar prisões ou mesmo flagrantes. O que ele faz é acompanhar um caso que esteja te incomodando. Se houver algumas prática criminosa envolvida, e isso for identificado pelo detetive particular que você contratou, ele deverá contatar a polícia.

Como age o detetive dos tempos modernos?

Como comentamos antes, temos em nossa mente uma imagem caricata de um detetive. Mas esqueça disso. Eles não usam mais boina e nem lupa para desvendar mistérios. Nos dias atuais o detetive particular se vale muito da tecnologia para conseguir exercer a sua função. A possibilidade de fazer muitas coisas com smartphone, por exemplo, tornou a função mais prática.

Esse é um serviço muito caro?

O preço dessa contratação dependerá de uma série de fatores. Dentre eles, a complexidade do caso e a quantidade de informações e pistas que você pode fornecer de imediato. Geralmente, um detetive consegue imaginar o tempo que vai levar para desvendar cada situação. Esses profissionais costumam cobrar por dia de trabalho, e passam uma média para que você saiba quanto terá de investir.

Quais são os materiais usados nos dias de hoje?

Como já dissemos, detetive ainda existe e hoje usa o celular como um grande aliado na hora de realizar o trabalho. Mas, além disso, ele poderá apostar em outros artefatos para ter um bom resultado. Ele poderá se valer, por exemplo, dos seguintes materiais:
  1. Gravação de áudio através de escuta implantada;
  2. Imagens fotográficas;
  3. Vídeos;
  4. Cópias de documentos, e-mails ou conversas;
  5. Prints
Cada um desses artefatos ajudará a chegar em uma conclusão a respeito da investigação.  Geralmente somente com o material captado através de escutas e monitoramento virtual esse profissional consegue chegar a uma conclusão.

Detetive ainda segue os passos da pessoa que está sendo monitorada?

Também temos em nossa memória a imagem de um espião a espreita para flagrar alguma situação. O detetive pode fazer isso em seu trabalho, mas só se for realmente necessário. Com todos os artefatos que dispomos nos dias de hoje, grande parte do trabalho é feito através do material recolhido em escutas, fotos e acompanhamento na internet.

Onde encontrar um detetive?

E agora que você já sabe que detetive ainda existe, deve estar se perguntando sobre onde encontrar um profissional dessa área. Eles trabalham de maneira autônoma ou em agências. Entre em contato com os escritórios para fazer um orçamento. Detetive ainda existe, e é uma profissão de grande utilidade nos dias de hoje, quando a desconfiança pode significar o fim das relações.

Related Post

Whatsapp
Nós te Ligamos Mande um Whatsapp