Telefone:

71 3042.0062

Fechar

Investigação particular: solução para desaparecidos no Brasil

Localização de Pessoas desaparecidas.
Localização de Pessoas desaparecidas.
Os números preocupam: de acordo com o poder público, a cada ano 250 mil brasileiros e brasileiras desaparecem, sendo que, desses dados, 40 mil têm menos de 18 anos. Apesar da imensa quantidade de pessoas desaparecidas no Brasil, o que se vê é um total descaso dos governos e das autoridades competentes, com ferramentas pouco úteis, departamentos de polícia mal preparados, pouco cruzamento de informações e ainda uma falta de estratégias definidas para esse tipo de caso.   Assim, muitos pais e familiares acabam ficando angustiados e praticamente desesperançosos com um possível reencontro com a pessoa desaparecida. Hoje, já há pessoas com anos de desaparecimento, o que mostra que não há realmente uma política e uma ação eficaz para trazer conforto e tranquilidade tanto à vítima quanto aos seus parentes e amigos.   No entanto, nunca se deve perder a fé e, hoje em dia, se o poder público e os governantes não fazem a sua parte, uma solução para esses tristes episódios é a contratação de um detetive particular para a localização de pessoas. Os investigadores, quando contratados, se diferenciam de outros profissionais por perseguirem resultados da melhor forma possível e também o mais rapidamente, pois eles têm como missão solucionar qualquer caso e minimizar ao máximo o sofrimento das pessoas, trazendo as respostas necessárias e o desfecho para cada desaparecimento.   Diferentemente do poder público, eles têm ao seu favor amplos instrumentos, ferramentas, equipamentos e tecnologias que viabilizam essa realidade. Eles constantemente reciclam seus conhecimentos e suas habilidades para poderem oferecer o melhor aos seus clientes e, assim, viabilizarem o reencontro entre o desaparecido e aqueles que ele mais ama.  

Vários tipos de situação

O poder público, as polícias e os detetives públicos até se empenham em encontrar as vítimas, mas, devido à grande quantidade de pessoas que sofreram desaparecimento, eles acabam se sentido forçados a, voluntariamente, engavetarem os casos até surgirem novas evidências e pistas.   Os investigadores particulares, por sua vez, dedicam-se integralmente a cada caso e, com isso, eles podem solucionar desaparecimentos dos mais diversos. Infelizmente, a realidade do Brasil está diretamente atrelada à violência urbana, e o país já é um dos cinco com mais vulnerabilidade a sequestros no mundo, ao lado do México, do Haiti, das Filipinas e da Índia. No entanto, o sequestro propriamente dito é apenas um dos possíveis motivos de desaparecimento, o qual pode também ser motivado por problemas de saúde, distúrbios mentais, ataques, golpes e tantos outros fatores.   Não importa a origem do desaparecimento, os investigadores lançarão mão de seu know-how e das tecnologias e instrumentos para colher dados, fazer a varredura em sistemas de identificação de pessoas, levantar hipóteses, refazer os passos do desaparecido, entrevistar fontes e até mesmo viajar para outros lugares para verificar possíveis paradeiros. Tudo com discrição e sigilo, caso os familiares ou amigos assim desejem.  

Muito mais do que o desaparecimento

Até mesmo casos em que não houve um desaparecimento propriamente dito podem ser solucionados por uma equipe de investigadores particulares. A localização de pessoas também pode ser utilizada para casos em que, por algum motivo, duas pessoas foram separadas, como uma mãe e um filho, uma mulher e seu marido e dois irmãos. Quando as circunstâncias e reviravoltas do destino causaram o distanciamento, os detetives particulares também estão preparados para agirem.   Para que eles ajam, contudo, é importante que a pessoa tenha o máximo de informações possível. Os detetives não são mágicos e, infelizmente, eles precisam de dados, como nome completo, uma foto, o local onde a pessoa foi encontrada da última vez e quaisquer objetos que ela tenha usado antes do sumiço ou do desaparecimento, para poder realizar a localização.   Afinal, a meta é, independentemente do desaparecimento e do caso, levantar respostas definitivas sobre cada um. Com todas as atividades, procedimentos e informações em mãos, o investigador poderá dizer onde a pessoa está e reaproximá-la da família ou dos amigos. Ainda assim, não é garantido que as respostas sejam positivas. Dependendo do caso, a resposta pode até ser muito dolorosa, mas o investigador saberá transmiti-la com o máximo de cautela e cuidado, para não causar feridas ainda maiores nas pessoas.  

Peça ajuda

No entanto, o investigador particular é apenas uma ferramenta e um suporte na procura e na localização de uma pessoa. O importante é que, em qualquer caso, todo mundo se ajude e todo mundo peça a colaboração de amigos e conhecidos, para se formar uma rede do bem. Não se acanhe e converse com o dono da padaria, do supermercado, das casas e com a vizinhança para solicitar apoio e colocar cartazes. Quanto mais ferramentas e suporte você tiver, melhor!   Afinal, dá para mudarmos esse quadro. Só precisamos nos unir e aproveitar as inovações que existem e, mais ainda, buscarmos sempre calma e tranquilidade, para que cada desaparecimento tenha sua devida resposta.

Related Post

  • Nós te Retornamos

    Mande um Whatsapp