Contratar detetive particular requer cuidados

A suspeita de comportamentos inadequados; como um parceiro que trai, um filho envolvido com substâncias ilícitas ou um sócio que desvia dinheiro da empresa, é a motivação que leva as pessoas à procura de um detetive particular. Esses indivíduos esperam que o profissional, especializado nas técnicas investigativas, seja capaz de obter provas que confirmem ou descartem as hipóteses levantadas, fazendo com que a pessoa descubra a verdade.

No entanto, é um trabalho complexo em que o cliente divulga muitas informações particulares a uma pessoa que nunca viu antes. Qualquer conclusão precipitada pode estar errada e comprometer a vida dos envolvidos consideravelmente. Profissionais sem experiência ou sem a estrutura adequada, e até mesmo pessoas que recebem o pagamento e “desaparecem”, estão entre os principais riscos ao contratar detetives. Por conta disso, confira algumas dicas para que seja contratado um profissional qualificado e confiável:

Referências

O marketing boca a boca segue como uma ferramenta incomparável para conhecer a credibilidade dos profissionais. Converse com alguém que já tenha contratado esse tipo de serviço e a experiência tenha sido satisfatória. Assim, você tem uma segurança de que o detetive é de confiança.

Além disso, é sempre bom acessar a internet e verificar se o profissional tem um site com a descrição dos serviços prestados e canais de comunicação disponíveis. Isso demonstra profissionalismo. Procure também por possíveis reclamações ou recomendações de ex-clientes na web.

Falsas Promessas

É comum nos depararmos com expressões do tipo “a melhor agência do Brasil” ou “seu caso resolvido em 24 horas”. Esse tipo de promessa não é real, até porque um monitoramento 24 horas exige equipamentos adequados e diversos profissionais envolvidos, o que, certamente, acarretará um serviço mais caro.

Também é importante ficar com o pé atrás com detetives particulares que não possuem um local próprio para atendimento ou que fiquem trocando pseudônimos e o número de celular com frequência, pois isso pode indicar comportamento golpista – pessoas que somem após o pagamento.

Instalações

Não há nada melhor do que uma visita pessoal ao escritório do detetive para uma conversa olho no olho sobre a experiência desse profissional, casos resolvidos e métodos e serviços utilizados. Também é uma ótima oportunidade para conferir a infraestrutura do local e os equipamentos à disposição do detetive durante a investigação particular.

Além disso, é importante também conhecer a qualificação das pessoas que fazem o “trabalho de rua” perseguindo o investigado. Esses profissionais também devem ser capacitados e não podem encontrar na investigação particular uma espécie de “bico”.

Qualificações

Além de conferir a estrutura e a tecnologia do local, é importante conhecer a qualificação do profissional. Embora não exista um curso superior em investigação particular, é interessante descobrir de onde vem esse conhecimento que profissionaliza aquele indivíduo. Lembre-se de que, além do conhecimento técnico, o detetive precisa de algumas qualidades bastante específicas, como: calma, concentração, organização, excelente raciocínio lógico, persuasão, discrição e articulação.

Contratos e provas

Antes de contratar detetives, certifique-se de que todo o processo será transparente e documentado. É essencial que haja um contrato especificando as atividades a serem desenvolvidas. Além disso, é importante que o cliente seja constantemente atualizado acerca daquilo que está sendo realizado no processo investigativo.

Na conclusão do caso, verifique se foram obtidas todas as provas necessárias, sejam áudios, vídeos ou fotografias.

Related Post

  • Nós te Ligamos

    Mande um Whatsapp